Áreas a desenvolver

Quinta-feira, 20 de Dezembro de 2007

Algo necessário em todas as cidades: Semaforização “inteligente”

Para uma boa inserção do Metro Sul do Tejo nas ruas da cidade, é indispensável realizar um trabalho de reordenamento do tráfego automóvel, bem como o uso de um novo sistema semafórico.

 

 

 

   

Tempo Fixo: O semáforo continua verde mesmo quando não existe nenhum utente, enquanto que os outros são obrigados a esperar.

 

O Plano de Mobilidade Acessibilidades 21 propõe a introdução de um sistema de semaforização “inteligente” em vários pontos da cidade de Almada. Esse sistema torna-se imprescindível no espaço canal do Metro Sul do Tejo, para uma melhor articulação dos diversos sistemas de transporte.

 

  

 

  

 

Adaptativo: Inexistência de tempo perdido.

  

  

 

Esse plano, já concluído, estabelece como prioridades a diminuição do tráfego automóvel por onde passará o MST e nas zonas residenciais, propondo assim uma redistribuição e gestão do tráfego automóvel. Além disso, a introdução de uma nova semaforização "inteligente", destinada a optimizar o tempo de passagem e de espera nos cruzamentos, é condição para uma boa fluidez dos diversos meios de transporte.

  

 

 

 

 

 

Exemplo de aplicação da semaforização "inteligente" nas vias por onde vai passar o MST. Neste caso na Avenida D. Nuno Álvares Pereira, em Almada.
 

 

 

 
 
Vídeo - Semaforização "inteligente"
 
Este vídeo mostra a circulação de composições do MST no chamado "Triângulo da Ramalha", junto ao Centro Sul, num troço inaugurado há apenas cinco dias.
 
 
 
 

 

 

 

 

Curiosidade: O que são semáforos “inteligentes”?

 

Ao contrário da semaforização “fixa”, em que existe um tempo predefinido para cada sentido de trânsito, os semáforos “inteligentes” fazem uma gestão “racional” do tempo, em função da “procura real” do cruzamento. Esse reconhecimento que o semáforo faz deve-se à existência de espiras de detecção colocadas na via. Através deste sistema, não existe tempo perdido e as passagens são efectuadas em função do tempo de espera e da quantidade de tráfego existente em cada via. Também através do sistema inteligente de semaforização vai ser possível compatibilizar a passagem do MST com a dos automóveis, rentabilizando-se o tempo em que não existe qualquer atravessamento do Metro e gerindo o tráfego da forma mais conveniente quando ocorrer essa passagem.

 

Fonte: Revista de Almada de Janeiro de 2005(adaptado)

 

 

Queres saber sobre o que vai ser o nosso próximo post? Resolve este puzzle!

 

 



 



 

 

 

Boas pesquisas e bons cliques!

SILIA 

 

Sentimo-nos: Natalícias!!
Guião do projecto:
Partilhado por futuralmada às 19:39
link do post | Comenta! | favorito
1 comentário:
De ren a 20 de Dezembro de 2007 às 23:58
Parabens pelo trabalho continuem!!

Comentar post

Em tempo real!



A nossa escola


Ver mapa maior

SILIA


SILIA

Adiciona-nos!

. 9 seguidores

Guião do projecto

1 - análise da cidade(13)

2 - projectos futuros(4)

3 - munícipes almadenses(5)

4 - cidades exemplares(1)

5 - áreas de aposta(7)

6 - propostas(15)

7 - iniciativas(5)

8 - comunicados(11)

9 - desafios(1)

todas as tags

Ideias fresquinhas

Produtos Finas!

Colóquio «Cidadania, Dese...

Metro Sul do Tejo – servi...

Filme final!

Propostas - energia eólic...

Propostas – Distribuição ...

Propostas - Almada deverá...

Propostas - Combate à suj...

Propostas - Divulgação do...

Propostas - Falta de cons...

Arquivos

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Porque Intervenção Urbana é...

Interferir no que diz respeito à cidade de maneira civilizada,
valorizando os recursos existentes para os tornar em espaços de lazer ou postos de trabalho;
melhorar a qualidade de vida da população.

links

Nº de visitas:

Rugby tickets

Pesquisar

Tradutor